Bushcraft PT

Fórum de Bushcraft e Técnicas de Sobrevivência
Data/Hora: quarta dez 19, 2018 3:02 am

Os Hor√°rios s√£o TMG [ DST ]




Criar Novo T√≥pico Responder a este T√≥pico  [ 9 mensagens ] 
Autor Mensagem
MensagemEnviado: sexta mar 09, 2018 1:41 am 
Avatar do Utilizador

Registado: quarta fev 19, 2014 11:29 am
Mensagens: 56
Localização: Castelo Branco
Faca do fórum Nr: 0
Boas!

Apesar de a nossa √ļltima partilha ser referente √† sa√≠da que fizemos em Fev 2016, isso n√£o foi sinal de falta de actividade por estes matos do interior, foi por sua vez, falta de disponibilidade, tempo e at√© alguma paci√™ncia quando chega a hora de utilizar o "hi-tech" de forma a partilharmos as nossas aventuras. Desde l√° temos praticamente seguido a nossa rotina de sair para o mato pelo menos uma vez por m√™s durante os meses frios.

Em Fev 16 andávamos entretidos em desenvolver o nosso abrigo permanente, apetrechando-o o melhor possível, e ao mesmo tempo durante o ano explorando novos terrenos aqui pela nossa zona. Até Abril desse ano foi essa a nossa rotina.

Foi em Outubro de 2016, depois de mais um verão em que toda aquela zona fica completamente sem actividade, que nos deparámos com uma desagradável surpresa: o nosso abrigo tinha cedido. Deveu-se fundamentalmente ao facto de grande parte do abrigo ter sido construído com pinho e salgueiro mas pouco eucalipto numa zona de grande humidade e pouca exposição solar. As traves de pinho apodreceram rapidamente, perderam rigidez e comprometeram toda a estrutura do abrigo. O abrigo deixou de estar suportado.

Através deste invés surgiu um novo projecto que já vinha a ser pensado à algum tempo, cada um de nós construir o seu próprio abrigo em volta de uma zona comum, uma espécie de "village". Desta forma cada um teria um novo projecto para ir desenvolvendo de acordo com as suas ideias e simultaneamente não se perdia o sentido de colectividade através do desenvolvimento da área comum. Seria outro projecto a longo prazo que dedicaríamos toda a nossa atenção nos próximos tempos.

O primeiro passo foi a construção de abrigos individuais temporários que nos permitissem pernoitar enquanto desmantelávamos o antigo abrigo. Depois limpámos o espaço onde estava construído e desde então temos vindo a desenvolver os novos abrigos que serão os definitivos.


Março 2016

Provavelmente a altura em que atingimos o expoente no antigo abrigo permanente, construímos novamente o forno, o avançado lateral do abrigo que cobria a fogueira exterior ganhava forma, de baixo desta construímos um acumulador para as brasas e ainda nos sobrou tempo para praticar outras actividades do interesse de todos.

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem


Abril 2016

Uma saída que fizemos para explorar novos pousos e acabou por se proporcionar a menos produtiva que experimentámos, apesar da beleza da zona passámos o tempo todo debaixo de uma tarpa, a comer e beber em frente ao fogo! O "modo turismo" acabou por saber bem, contudo não o repetiríamos !

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem


Outubro Novembro Dezembro 2016

Foi depois do verão de 2016, na primeira saída em Outubro, que nos deparámos com o desmembramento do abrigo permanente.

Foi uma altura que não conseguimos reunir muitos registos (se calhar também um pouco devido ao "choque" de começar tudo de novo), contudo conseguimos reunir estas imagens:




Janeiro 2017

O fim de semana em que, já com abrigos temporários construídos, desmanchámos o permanente.

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem


Fevereiro de 2017

Já há muito tempo que não apanhávamos chuva, relembrou-nos tempos em que passávamos dias inteiros dedicados à condução do lume e aos abrigos por causa da água. Limitou-nos o avanço no projecto.

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem


Voltaríamos lá em Fevereiro para dar forma aos projectos.

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem


Março de 2017

Os novos abrigos ganhavam forma, em plena fase criativa!!!

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem


Em Abril e Maio de 2017 não conseguimos fazer saídas, por vezes por indisponibilidade de algum de nós e por outras devido ao excesso de calor que já nesta altura do ano se fazia sentir, como que adivinhando o terrível verão que se aproximava.

Assim sendo apenas voltámos ao mato, e ao nosso "Village" em Dezembro de 2017, após o levantamento da proibição de fazer fogo de finais de Novembro. Mais uma vez tivemos grandes contrariedades, as bases dos abrigos que tínhamos deixado antes do verão, tinham desaparecido. Mais uma vez teríamos de recomeçar tudo outra vez.


Dezembro de 2017

Dia praticamente passado a voltar a acumular o material de construção das bases dos abrigos (que subitamente tinham desaparecido).

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem


Janeiro de 2018

Outra vez...constru√≠mos novamente os alicerces dos futuros abrigos. Noite especialmente fria a atingir facilmente os -2¬ļC.

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem



Fevereiro de 2018

Mais um dia produtivo no desenvolvimento dos nossos projectos em mais uma noite de muito frio e geada! De noite o term√≥metro chegou aos -3¬ļ C . √Č nestas noites que o bom equipamento faz a diferen√ßa.

Acrescentámos também neste dia o facto de termos depenado, arranjado e limpo a nossa própria comida, uma dificuldade a que por norma não estamos habituados. Incrível o tempo que se despende para se conseguir umas poucas de calorias (e não os caçámos).

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem


Ao dia de hoje a perspectiva que temos √© a de na primeira sa√≠da depois do ver√£o de 2018 terminarmos os abrigos, continuar a melhorar os espa√ßos adjacentes e retomar a altern√Ęncia com sa√≠das com car√°cter mais explorat√≥rio at√© final do ano.

Esperemos que apreciem.

Resta-nos agradecer também as vossas boas partilhas e desejar...boas aventuras !!!

Bem-haja !

FoicesAlbicastrenses


Editado pela √ļltima vez por FoicesAlbicastrenses em sexta mar 09, 2018 1:42 pm, num total de 1 vez.

Topo
 Perfil  
 
MensagemEnviado: sexta mar 09, 2018 4:02 am 
Avatar do Utilizador

Registado: sexta fev 06, 2015 1:03 am
Mensagens: 775
Localização: Fundão
Faca do fórum Nr: 0
Faca preferida:: Faca do mato
Gostei de ver as fotos, esse rio não é o Ponsul?
Temos que combinar uma saída para o mato uma vez que somos vizinhos!
Sou do Fundão mas pratico as minhas atividades no concelho da Pampilhosa da Serra, se quiserem vou ter com vocês a Castelo Branco ou vêm vocês a ter comigo!

Agrade√ßo a vossa partilha de fotos muito bonitas e com boas constru√ß√Ķes, s√≥ fa√ßo um pequeno reparo, na cobertura com pedras, da forma como est√£o colocadas, n√£o v√£o retirar a √°gua da chuva e s√≥ fazem peso na estrutura! Acho que a casca de eucalipto faria melhor servi√ßo, olhando para aquilo que temos nessa regi√£o ;)

Sauda√ß√Ķes mateiras!!!

Jo√£o Carmo

_________________
[Em pequeno chamavam-me "bicho do mato" porque n√£o saia de casa! Agora estou no mato e chamam-me para casa!!! Ironia do destino]


Topo
 Perfil  
 
MensagemEnviado: sexta mar 09, 2018 11:08 am 
Avatar do Utilizador

Registado: quarta fev 19, 2014 11:29 am
Mensagens: 56
Localização: Castelo Branco
Faca do fórum Nr: 0
Ol√° Jo√£o,

Não, o rio não é o Ponsul. Chama-se ribeira do tripeiro e é um afluente do rio Ocreza.

Relativamente às pedras, inicialmente quando colocadas de cima para baixa chegámos a essa conclusão, demasiado peso no abrigo e bastantes fissuras entre elas. Contudo, o objectivo é mais de retenção do calor da futura fogueira que será construída do lado oposto do que impermeabilização. Serão colocadas até meio do abrigo (altura suficiente para cobrir todo o tronco quando estás deitado) e apenas como primeira cobertura, depois o objectivo é continuar a cobrir com outras camadas.

Abraço.


Topo
 Perfil  
 
MensagemEnviado: sexta mar 09, 2018 4:14 pm 
Avatar do Utilizador

Registado: sexta fev 06, 2015 1:03 am
Mensagens: 775
Localização: Fundão
Faca do fórum Nr: 0
Faca preferida:: Faca do mato
Ok voc√™s est√£o do outro lado entre a barragem da Marateca e barragem da Pragana : D N√£o fazia ideia que o rio Ocrenza leva-se tanto caudal dai a minha d√ļvida em rela√ß√£o ao Ponsul :)

_________________
[Em pequeno chamavam-me "bicho do mato" porque n√£o saia de casa! Agora estou no mato e chamam-me para casa!!! Ironia do destino]


Topo
 Perfil  
 
MensagemEnviado: ter√ßa mar 13, 2018 3:29 pm 

Registado: quinta mar 29, 2012 11:59 pm
Mensagens: 118
Faca do fórum Nr: 0
Faca preferida:: F1
Deixem-me enaltecer a vossa perseveran√ßa e dedica√ß√£o. √Č de fazer inveja. Parab√©ns.


Topo
 Perfil  
 
MensagemEnviado: ter√ßa mar 13, 2018 5:43 pm 
Avatar do Utilizador

Registado: quarta fev 19, 2014 11:29 am
Mensagens: 56
Localização: Castelo Branco
Faca do fórum Nr: 0
Obrigado msb, apreci√°mos o teu coment√°rio!

Um abraço.

FoicesAlbicastrenses


Topo
 Perfil  
 
MensagemEnviado: quarta mar 14, 2018 3:20 am 

Registado: quinta set 09, 2010 4:33 am
Mensagens: 588
Faca do fórum Nr: 0
Caros FoicesAlbicastrenses.
√Č uma b√™n√ß√£o ter imagens e informa√ß√£o partilhada t√£o generosamente por v√≥s, reconhece -se o espirito buscrahfiano que vos anima, quanto √†s imagens cabe um pouco de tudo e sobretudo o exemplo de camaradagem que v√≥s anima, s√≥ foi pena, n√£o ver o resultado dos assados neste forno magnifico, tamb√©m gostei desta lanterna a petr√≥leo que me remete para outros tempos.
Parabéns e agradecido pela partilha.


Topo
 Perfil  
 
MensagemEnviado: quarta mar 14, 2018 12:26 pm 
Avatar do Utilizador

Registado: quarta fev 19, 2014 11:29 am
Mensagens: 56
Localização: Castelo Branco
Faca do fórum Nr: 0
Caro milhafre,

√Č sem d√ļvida gratificante ler coment√°rios como o teu. Tentaremos continuar a partilhar as nossas experi√™ncias.

Bem-haja!

FoicesAlbicastrenses


Topo
 Perfil  
 
MensagemEnviado: ter√ßa mar 20, 2018 1:12 pm 
Avatar do Utilizador

Registado: quarta fev 19, 2014 11:29 am
Mensagens: 56
Localização: Castelo Branco
Faca do fórum Nr: 0
Milhafre,

Relativamente à lanterna a petróleo, está disponivel em:

https://www.thebushcraftstore.co.uk/feu ... 3779-p.asp

FoicesAlbicastrenses


Topo
 Perfil  
 
Mostrar mensagens anteriores:  Ordenar por  
Criar Novo T√≥pico Responder a este T√≥pico  [ 9 mensagens ] 

Os Hor√°rios s√£o TMG [ DST ]


Quem est√° ligado:

Utilizador a ver este Fórum: Nenhum utilizador registado e 1 visitante


Criar Tópicos: Proibido
Responder Tópicos: Proibido
Editar Mensagens: Proibido
Apagar Mensagens: Proibido

Pesquisar por:
Ir para:  
© Bushcraft PT - F√≥rum de Bushcraft e T√©cnicas de Sobreviv√™ncia - Desde 2008
Traduzido por phpBB Portugal